Produção de automóveis no Brasil teve aumento maior que dos últimos 6 anos

Aumento de pessoas atuando como motoristas de aplicativos motivaram crescimento

Se a brasileira ainda patina e teve apenas 0,6% de crescimento no último trimestre de 2019, de acordo com dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), a produção de apresentou o maior aumento dos últimos 6 anos.

Maior número de viagem de carro, melhores condições de financiamento, maior demanda por empregos que exigem deslocamentos em carro… O que motivou a maior produção de no país em 2019?

 

Automóvel de passeio sendo montado
Foto Banco de Imagens

Produção de veículos

De acordo a Agência Nacional de Fabricantes dos Veículos Automotores (Anfavea), em 2019, foram vendidos 2,78 milhões de carros no país. O que significou um crescimento de 7,8% em comparação ao ano anterior. O crescimento foi visto especialmente entre carros e comerciais leves, que apresentaram crescimento de 9% no ano passado.

Em 2019, o mês de maior destaque foi outubro, quando foram produzidos os estoques para as vendas de fim de ano. Essas compras aumentaram depois da liberação do 13º salário e dos saques do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS). Somente nesse mês, foram vendidos mais de 288 mil . No acúmulo de dez meses, foram fabricados 2,28 milhões, o que representou uma alta de 8,7% em relação ao mesmo período de 2018.

 

Produção de automóveis no Brasil teve aumento maior que dos últimos 6 anos
Aumento de frota direcionada ao transporte por aplicativos – Foto banco de imagens

O impacto dos aplicativos de transporte no setor

Entre as razões que motivaram tal crescimento, mesmo em um cenário de estagnação econômica, pode-se apontar o aumento de pessoas trabalhando como condutores de veículos em aplicativos. Em um cenário de desemprego, que atingiu 11,8% da população — o que equivale a 12 milhões de pessoas —, cresceu o número de indivíduos atuando nesse ramo.

Segundo dados do IBGE, no ano passado, esse aumento foi de quase 10% em relação a 2017, o que representou a incorporação de 905 mil pessoas nessa ocupação. Essa demanda fez locadoras de veículos intensificarem as compras diretas de . A fim de disponibilizá-los para aluguel a quem trabalha para aplicativos.

 

 

Executivos dialogando sobre diminuição de taxa de juros nos automóveis
Ilustrativa – Banco de Imagens

Diminuição da taxa de juros e comércio externo 

Outro aspecto que ajuda a compreender o aumento da produção de carros no Brasil foi a redução da taxa de juros, que fechou 2019 em 4,5%. Associado a isso, o controle da inflação e o aumento da disponibilidade de crédito pelos bancos também foram fatores decisivos para facilitar os financiamentos de veículos.

Contudo, analistas afirmam que ainda há espaço para queda das taxas do Crédito Direto ao Consumidor (CDC). Que é o principal instrumento de financiamento de caminhões e carros no país.

Esse cenário econômico foi importante, já que a Argentina, nosso principal país comprador, diminuiu as importações dos automóveis brasileiros em decorrência da crise econômica que vive há alguns anos. Em 2019, a queda das exportações aos argentinos diminui 31% em comparação ao número atingido em 2018.

 

Demissões no setor automobilístico

Entretanto, mesmo com tal aumento na produção, os empregos na automobilística em 2019 encolheram mais de 3% em comparação a 2018. O que significou a perda de 4,3 mil postos de trabalho.

Um dos principais motivadores dessa retração foi o fechamento da fábrica da Ford. Localizada em São Bernardo do Campo, na Região Metropolitana da cidade de São Paulo, uma das mais antigas ainda em atividade no país. Esse acontecimento visou reduzir os gastos da empresa com funcionários e quadro administrativo, o que provocou a demissão de mais de 2,5 mil pessoas.

Assim, mesmo com uma retração do mercado externo para os brasileiros, as dinâmicas do mercado interno no atual contexto nacional impediram que a estagnação acontecesse nesse setor.

Em um ano repleto de feriados como o de 2020, para quem está pensando em fazer alguma viagem mais curta ou rápida, o carro pode ser uma boa alternativa de transporte, garantindo maior comodidade e rapidez em comparação ao ônibus e a outros veículos compartilhados.

Produção de automóveis no Brasil teve aumento maior que dos últimos 6 anos
Mais notícias