New Holland testa no Brasil trator movido a biometano

O trator possui também a mesma durabilidade e intervalos de serviços, mas vai além, gerando uma redução de custos de até 30%.

O trator movido a biometano da New Holland Agriculture está em fase final de testes em propriedades do Paraná e do Rio Grande do Sul. Uma das vantagens é que a própria fazenda produz a energia que precisa para realizar suas operações.

O biometano pode ser usado para aquecer instalações agrícolas e fazer seus equipamentos funcionarem – conceito de Energy Independent Farm.  O biometano como combustível sustentável é adequado a fazendas. Essas propriedades possuem matérias-primas e o espaço para abrigar um biodigestor para produzir o gás.

O novo trator New Holland movido a biometano usa motor com uma tecnologia de combustão especificamente desenvolvida para aplicações agrícolas.  A motorização NEF, de 6 cilindros, desenvolve 180 hp de potência e 740 Nm de torque, o que garante um desempenho equivalente ao modelo movido à diesel.

O trator possui também a mesma durabilidade e intervalos de serviços, mas vai além, gerando uma redução de custos de até 30%. O tanque de combustível tem design que usa uma estrutura tubular em camadas composta, o que permite um dia inteiro de autonomia – em linha com um modelo equivalente a diesel.

 

Cabine envidraçada  

O novo conceito movido a biometano produz, pelo menos, 10% menos de emissões de CO2 e reduz o total de emissões em 80% em comparação com um motor padrão a diesel em condições reais de campo. O diesel é o combustível usado em mais de 90% do trator agrícola à venda no Brasil.

A cabine envidraçada tem uma visibilidade de 360 graus, ou seja, aumento de 20% em comparação com um trator padrão. O teto arqueado de vidro conta com um receptor totalmente integrado de Precision Land.

New Holland testa no Brasil trator movido a biometano
Mais notícias