Como se preparar para a próxima viagem sem saber quando ela vai acontecer

Como planejar uma viagem quando não se sabe nem quando poderemos voltar a circular com normalidade dentro das nossas próprias cidades e países? Esta pergunta tem tirado o sono não só dos profissionais da área de turismo, como também de viajantes que vivem à espera das próximas .

Ainda existe muita incerteza em relação ao futuro e novas medidas estão sendo adotadas com grande velocidade para tentar retomar o movimento de passageiros o quanto antes: grupos limitados, buffets de self-service fechados, estoques de álcool em gel.

Uma pesquisa realizada pelo Overseas Leisure Group, uma operadora de viagens de luxo nos Estados Unidos, sugere que 72% dos americanos já estão planejando suas próximas , e 35% considerariam tirar já neste verão.

As viagens de vão voltar aos poucos, mas os turistas estarão mais cautelosos que nunca. Haverá uma preferência por viagens em carro em detrimento das viagens em avião. Na hora de reservar um quarto de hotel, os turistas irão privilegiar cadeias de hotéis que adotem um estrito protocolo de limpeza e desinfecção. O aluguel de casas e apartamentos em plataformas como o Airbnb deve sofrer um grande impacto.

 

Pense pequeno

Se você tinha planos de adicionar alguns carimbos ao seu passaporte em 2020, é hora de recalcular a rota. Muitos países provavelmente manterão as restrições atuais em relação a turistas brasileiros e exigirão que as pessoas que cheguem ao país passem por uma quarentena de 14 dias até que a crise do coronavírus termine definitivamente. Quem quer passar suas inteiras presas em um quarto de hotel ainda mais pagando por isso?

As pessoas provavelmente viajarão localmente e podemos esperar praias lotadas. Por isso, a recomendação é escolher rotas alternativas e redescobrir pequenas cidades brasileiras. Você não precisa ir ao Cristo Redentor e nem passear no Pelourinho este ano. Existem outras maneiras de explorar o e a Bahia e você pode acabar se divertindo muito mais.

 

Tenha paciência e já comece a economizar para as suas próximas

Talvez este não seja o ano ideal para viajar, mas sim para começar a se organizar financeira e estrategicamente para uma viagem maior e inesquecível no ano que vem (ou quando as restrições todas forem levantadas). Vale fazer um planejamento financeiro e economizar um pouco cada mês, ou ainda começar a investir em alguns itens que irão aliviar o orçamento mais para frente. Os apaixonados por fotografia podem aproveitar esse período para escolher com calma sua nova câmera, por exemplo. Você também pode pensar em trocar o jogo de malas por um maior e mais novo.

 

Atenção com a política de cancelamento

Se você decidir cancelar seus planos de viagem, comece com o hotel e todos os passeios e atividades que você planejou. Se está planejando a sua viagem, fique de olho nas políticas de cancelamento do hotel ou apartamento, já que as medidas restritivas podem mudar de uma hora para a outra e sua viagem pode não acontecer. O ideal é reservar com um estabelecimento que tenha uma política de 100% de reembolso.

 

Pague um pouco mais pela flexibilidade

Não tem certeza se você está pronto para se comprometer a viajar ou está preocupado com a com a evolução da situação do coronavírus? Pode valer a pena pagar um pouco mais por uma reserva totalmente reembolsável para futuras viagens que você planeja. As tarifas não reembolsáveis podem ser um pouco mais baratas, mas podem custar mais a longo prazo se você tiver que pagar uma taxa de alteração ou cancelar.

 

 

Como se preparar para a próxima viagem sem saber quando ela vai acontecer
Mais notícias