Lesão de Labrum: O que é e como tratar?

O Que É O Labrum?

O labrum é um estrutura cartilaginosa localizada no acetábulo, a região do quadril que recebe a cabeça do fêmur.

A função dessa estrutura é fazer com que o líquido articular se distribua de maneira adequada, diminuindo a pressão, absorvendo o impacto e estabilizando o quadril.

A lesão de labrum pode ser degenerativa ou em virtude de um trauma no local.

É uma lesão de difícil diagnóstico pois seus sintomas podem ser confundidos com outras patologias. Além disso, o quadril e a região onde pode haver a lesão de labrum não são de fácil acesso, portanto, exames de imagens e diagnóstico diferencial são sempre necessários.

Causas De Lesão De Labrum

São diversas causas que podem resultar em lesões de labrum, dentre elas:

  • Atividades esportivas com movimentos repetitivos;
  • Quedas;
  • Traumas na região;
  • Frouxidão capsular e de ligamento, fazendo com que a cabeça do fêmur se desloque para fora;
  • Displasia do quadril;
  • Doenças degenerativas que afetam o quadril.

Sintomas

A lesão de labrum apresenta como característica principal dor na região do quadril, sobretudo na região em que a cabeça do fêmur encontra o quadril, perto da virilha. Essa dor se manifesta ao andar e ao sentar-se.

A dor pode se estender para glúteos e posterior de coxa.

Além disso, o paciente pode relatar insegurança ao andar, devido à instabilidade da articulação.

Esses sintomas podem ser confundidos com tendinites de uma série de grupos musculares da região. Portanto, é importante que o diagnóstico seja preciso.

Diagnóstico

O diagnóstico de lesão de labrum é realizado pelo médico ortopedista, por meio de um exame físico minucioso e com auxílio de exames de imagem, como raios-X e ressonância magnética.

O diagnóstico de lesão de labrum é um dos mais difíceis, justamente pela dificuldade de acesso à articulação, já que é uma articulação profunda.

Além disso, muitas vezes o paciente chega com a queima “dor no quadril” e isso pode ser confundido com tendinites e outras patologias, já que nem sempre os profissionais desconfiam de lesões de labrum.

Muitas vezes manobras físicas são necessárias, bem como uma investigação mais profunda dos exames de imagem, para tirar dúvidas.

Tratamento

O tratamento para a lesão de labrum depende de como foi que ela surgiu. Se foi devido a um trauma ou acidente, algo impactante, geralmente a cirurgia é a melhor escolha, para que possa haver, muitas vezes, o reposicionamento correto da cabeça do fêmur ou a necessidade de remoção do labrum.

Com o avanço da medicina nos últimos anos, é feita a cirurgia artroscopia do quadril, que permite um trauma cirúrgico muito menor.

Pacientes mais jovens e ativos e que apresentam articulação da cabeça do fêmur com o quadril com alguma alteração anatômica tendem a sofrer lesão do labrum mais precocemente.

Por outro lado, o quadril displásico associado à lesão do labrum, provavelmente, tende a desenvolver osteoartrose mais precocemente.

Assim, é muito importante que se pense e se dê atenção à lesão do labrum em pacientes jovens que apresentam quadril anatomicamente alterado.

Lesão De Labrum E Tratamento Fisioterápico

A fisioterapia é muito importante no tratamento conservador da lesão de labrum.

Há estudos que demonstram que o tratamento conservador, com sessões de fisioterapia, podem ter prognóstico positivo em algumas lesões de labrum, quando não há indicação cirúrgica.

A fisioterapia pode, inclusive, fazer com que um paciente não tenha indicação cirúrgica, uma vez que, com a aderência do paciente, dependendo do caso, pode impedir a progressão da doença.

O Instituto TRATA possui os mais gabaritados profissionais para o tratamento fisioterápico.

Nos casos em que há indicação cirúrgica, há necessidade de fisioterapia após a cirurgia, melhorando a mobilidade do paciente em um tempo menor.

Porém, o tratamento cirúrgico deve ser indicado logo que se percebe falha do tratamento conservador, justamente para que não haja evolução do caso para uma artrose.

Referência

RECH, JA. Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia – Lesão de Labrum acetabular: diagnóstico por imagem.

Lesão de Labrum: O que é e como tratar?
Mais notícias