Saúde investiga se jovem com manchas está com sarampo em Campo Grande

Uma jovem com manchas no corpo parecidas com sintomas de catapora está sendo tratada como caso suspeito de sarampo em Campo Grande. A adolescente está internada no UPA (Unidade de Pronto Atendimento) Coronel Antonino.

De acordo com a Sesau (Secretaria Municipal de Saúde), em um primeiro diagnóstico clínico apontou para a possibilidade de sarampo. Porém, posteriormente foi feita uma segunda análise por infectologista que diagnosticou que as manchas não são características de sarampo, porém, é preciso aguardar resultado laboratorial

Ainda segundo a Sesau, por precaução, foi realizado o chamado bloqueio, que é a vacinação de todas as pessoas que tiveram contato com ela que não eram imunizadas

Segundo a secretaria, é preciso reforçar que não há motivo para pânico, pois a cobertura vacinal do município é superior a 98% e as doses estão disponíveis em todas as unidades básicas.

Mato Grosso do Sul já tem dois casos confirmados de sarampo. Um deles em um bebê de 10 meses de Campo Grande, que contraiu a doença quando esteve em São Paulo, estado onde se concentra o maior número de casos no país.

E o outro caso foi confirmado no município de Três Lagoas, a 338 quilômetros de Campo Grande, em um homem de 52 anos que esteve em Jundiaí, interior de São Paulo, onde apresentou os primeiros sintomas da doença.

Mais notícias