Notícias de Mato Grosso do Sul e Campo Grande

Com erro do árbitro, Corinthians vence o Independiente

1 a 0

O Corinthians contou com um erro de arbitragem e venceu o Independiente na noite desta quarta-feira, em Avellaneda, pela terceira rodada do Grupo 7 da Libertadores. O Timão abriu o placar com o Jadson e viu o juiz anular erradamente gol de Silvio Romero nos minutos finais da partida.

Com a vitória, o Corinthians fica em situação confortável na Libertadores: é o líder do grupo, sete pontos, enquanto o segundo colocado Millonarios tem quatro e o Independiente, terceiro, tem três. E o Timão ainda enfrentará os dois rivais em Itaquera na volta da fase de grupos.

Voltou com tudo

Jadson foi preservado do jogo de domingo, na estreia do Brasileirão contra o Fluminense, para estar em melhores condições físicas para o confronto com o Independiente. E a estratégia funcionou: o meia voltou a ser titular e fez o gol do Timão. Aos 35 minutos do segundo tempo, depois de cruzamento de Mateus Vital, ele apareceu entre os zagueiros e mandou de cabeça para o fundo da rede.

Gol mal anulado

Após Jadson marcar, o Independiente pressionou nos minutos finais em busca do empate. Aos 41, Fernandéz cobrou falta, Cássio espalmou, Meza chutou no rebota, e Silvio Romero desviou para o gol. O árbitro, porém, marcou erradamente impedimento do jogador, que não estava adiantado.

Catimba? Que nada!

Jogo de Libertadores, contra time argentino, estádio cheio… O Corinthians tinha a expectativa de ter disputar uma partida mais catimbada. Porém, não foi isso que aconteceu em Avellaneda. As duas equipes fizeram um confronto movimentado, com boas chances.

No primeiro tempo, por exemplo, foram só sete faltas (seis do Independiente). Na etapa final, foram 18 faltas (11 do time argentino). Quatro cartões amarelos foram distribuídos.

Várias chances

Romero desperdiçou a oportunidade mais clara do bom primeiro tempo. Quando o Independiente pressionava, o Timão saiu em contra-ataque, e o atacante recebeu lindo lançamento de Rodriguinho. O paraguaio saiu livre, correu mais que o adversário, mas chutou em cima do goleiro.

Do outro lado, o Independiente também chegou com perigo. Silvio Romero perdeu boa chance, Cássio salvou após desvio em finalização de Verón, e Domingo finalizou à esquerda.

Festa em Avellaneda

A torcida do Corinthians lotou três andares de uma das tribunas do Estádio Libertadores de América. Com faixas e bateria, a Fiel cantou alto e até acendeu sinalizadores após o gol. Já a torcida do Independiente teve poucos momentos de empolgação no jogo, mesmo com as boas chances que o time criou. Sorte do Timão, que esperava uma pressão maior das arquibancadas e queria ao menos sair com um empate. Foi melhor do que o esperado!

 

FICHA TÉCNICA

INDEPENDIENTE-ARG 0 X 1 CORINTHIANS

Local: Libertadores de América, em Avellaneda (ARG)

Data-Hora: 18/4/2018 – 21h45

Árbitro: Daniel Fedorczuk (URU)

Auxiliares: Carlos Pastorino (URU) e Richard Trinidad (URU)

Público/renda: Não disponíveis

Cartões amarelos: Bustos e Verón (IND), Fagner e Henrique (COR)

Cartões vermelhos:

Gols: Jadson (35’/2ºT) (0-1)

 

INDEPENDIENTE: Campaña; Bustos, Figal, Amorebieta e Gastón Silva; Domingo e Gaibor; Verón (Leandro Fernández, aos 27’/2ºT), Martín Benítez (Gigliotti, no intervalo) e Menéndez (Meza, no intervalo); Silvio Romero. Técnico: Ariel Holan.

 

CORINTHIANS: Cássio; Fagner, Balbuena, Henrique e Sidcley; Ralf e Maycon; Romero (Júnior Dutra, aos 42’/2ºT), Jadson (Marquinhos Gabriel, aos 37’/2ºT), Rodriguinho e Clayson (Mateus Vital, aos 26’/2ºT). Técnico: Fábio Carille.

 

 

 

 

 

Você pode gostar também