Política / Transparência

Coronavírus: Sonora prorroga estado de calamidade pública

A prefeitura de Sonora, município no norte do Estado, prorrogou até 30 de junho o estado de calamidade pública motivado pela pandemia de Covid-19. O decreto foi publicado na edição desta segunda-feira (8) do Diário Oficial da Assomasul (Associação dos Municípios de Mato Grosso do Sul). A medida é retroativa a 1º de janeiro de […]

Adriel Mattos Publicado em 08/03/2021, às 16h16 - Atualizado às 18h18

Foto: Reprodução, Prefeitura de Sonora
Foto: Reprodução, Prefeitura de Sonora - Foto: Reprodução, Prefeitura de Sonora

A prefeitura de Sonora, município no norte do Estado, prorrogou até 30 de junho o estado de calamidade pública motivado pela pandemia de Covid-19. O decreto foi publicado na edição desta segunda-feira (8) do Diário Oficial da Assomasul (Associação dos Municípios de Mato Grosso do Sul).

A medida é retroativa a 1º de janeiro de 2021, já que o decreto anterior expirou em 31 de dezembro de 2020. 

Para prorrogar a calamidade, o prefeito Enelto Ramos (PSDB) considerou que cepas do novo coronavírus aumentaram as contaminações e a alta taxa de ocupação de leitos em todo o Estado, que beira os 100%.

Para valer, o decreto precisa ter reconhecimento da Alems (Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso do Sul). A medida permite que a prefeitura faça, por exemplo, compras e contratações de pessoal emergenciais, sujeitas a acompanhamento da Câmara Municipal.

Jornal Midiamax