Serviços de TI para PGE-MS vão custar R$ 1,1 milhão

Empresa vai ter que sustentar software para sistema do governo

A empresa Infortech Informática venceu licitação na modalidade pregão eletrônico por menor preço e vai prestar serviços de TI (Tecnologia da Informação) para a PGE-MS (Procuradoria-Geral do Estado de ao custo de R$ 1,1 milhão.

O aviso de resultado foi publicado na edição desta sexta-feira (25) do DOE (Diário Oficial Eletrônico). O preço pelo lote oferecido foi de R$ 23, por 48 mil ações.

Caberá à empresa executar “serviços de sustentação de software, incluindo a análise, desenvolvimento de novas funcionalidades, manutenção corretiva, preventiva, evolutiva e adaptativa, customizações, documentação e teste de software para o Sistema de Dívida Ativa do Estado e para a base de dados PESSOA-MS”.

O resultado foi confirmado em favor da empresa e homologado oficialmente pela (Secretaria de Estado de Administração e Desburocratização).

Serviços de TI para PGE-MS vão custar R$ 1,1 milhão
Mais notícias