Prefeita recebe projeto de duplicação da “Rua da morte” em Dourados

A Coronel Ponciano é uma via que apresenta elevado número de acidentes de trânsito

A prefeita Délia Razuk (PTB) recebeu esta semana das secretárias municipais de Planejamento Adriana Benício e de Obras Públicas Marise Bianchi, o projeto de duplicação e revitalização da Coronel Ponciano. A via foi batizada pela população

Segundo informações da Prefeitura, o projeto está em fase de execução para, nos próximos dias, ser encaminhado ao Governo do Estado, que lançará o edital de licitação para, posteriormente, dar início às obras propriamente dito.

Adriana Benício explica que após vários estudos por parte de equipes técnicas das secretarias de Planejamento, de Obras Públicas, de Serviços Uranos e da Agetran (Agência Municipal de Transporte e Trânsito) o projeto chega à fase executiva e, muito em breve, a necessária intervenção deverá ocorrer na Rua Coronel Ponciano.

A titular da Seplan lembra que a duplicação da Rua Coronel Ponciano é necessária devido ao elevado índice de acidentes nesta via de acesso à cidade e que o projeto de duplicação e revitalização está sendo elaborado com todos os requisitos de mobilidade urbana e prioriza a segurança dos usuários, “desde o pedestre até o condutor de veículos de grande porte”.

O projeto técnico prevê a readequação e revitalização total da via no trecho entre a Avenida Marcelino Pires e o chamado trevo do DOF (Departamento de Operações de Fronteira). A duplicação compreenderá o trecho a partir do cemitério Santo Antônio de Pádua, até a BR-163.

“A duplicação da Rua Coronel Ponciano não é apenas um sonho da nossa administração e da população, mas uma necessidade vista a olhos nus”, disse a prefeita Délia Razuk quando do lançamento do projeto, lembrando que a cidade de Dourados transformou-se numa metrópole regional e a readequação viária tornou-se urgente.

 

Prefeita recebe projeto de duplicação da “Rua da morte” em Dourados
Mais notícias