Política / Transparência

Na data do pregão, licitação de R$ 4 milhões para combustíveis é suspensa por falhas

Pregão presencial de n.º 19/2020 no valor de R$ 4,4 milhões feito pela prefeitura de Aral Moreira para aquisição de combustíveis foi barrado pelo TCE-MS (Tribunal de Contas do Estado de Mato Grosso do Sul). Conforme publicado no Diário Oficial da Corte de Contas, a sessão pública para o recebimento de propostas seria realizada nesta […]

Danúbia Burema Publicado em 28/04/2020, às 19h02

None

Pregão presencial de n.º 19/2020 no valor de R$ 4,4 milhões feito pela prefeitura de Aral Moreira para aquisição de combustíveis foi barrado pelo TCE-MS (Tribunal de Contas do Estado de Mato Grosso do Sul).

Conforme publicado no Diário Oficial da Corte de Contas, a sessão pública para o recebimento de propostas seria realizada nesta terça-feira (28).

Mas, diante das irregularidades foi recomendado à gestão que se abstenha de celebrar contrato administrativo com a empresa vencedora, até apreciação do mérito do caso.

Entre os problemas, a equipe técnica apontou a presença de cláusulas que restringem a competitividade, deficiência da cotação de preços, ausência de estudo técnico preliminar e irregularidade na representação dos licitantes.

A prefeitura recebeu prazo de 5 dias para se manifestar sobre o caso.

Jornal Midiamax