MPMS vai fiscalizar atendimento de conselho tutelar na fronteira de MS

Investigação foi motivada por demora em ocorrências de plantão

O atendimento prestado pelo Conselho Tutelar de Coronel Sapucaia, município distante 396 quilômetros de Campo Grande, virou alvo de fiscalização por meio de procedimento administrativo instaurado pelo MPMS (Ministério Público de Mato Grosso do Sul).

Conforme publicado em Diário Oficial nesta sexta-feira (28), o supervisionamento foi motivado pela demora no atendimento de conselheiros em casos ocorridos nos períodos de plantão.

Sob coordenação do promotor Michel Maesano, o trabalho irá fiscalizar as medidas adotadas pelo conselho visando a correção das falhas que já teriam sido anteriormente apontadas.

Não foram divulgados detalhes das circunstâncias envolvendo a demora no atendimento e o processo corre sob sigilo, por se tratar de situação envolvendo crianças e adolescentes.

Mais notícias