Governo suspende licitação para contratação de empresa de limpeza

Guatós foi contratada sem licitação em agosto de 2019 e recebeu do governo mais de R$ 28,9 milhões

Contratada sem licitação em agosto do ano passado, a empresa Guatós Prestadora de Serviços, vai continuar prestando serviços para o Governo de Mato Grosso do Sul, pois, a licitação aberta pela SAD (Secretaria de Administração) foi suspensa.

O aviso de suspensão foi publicado em Diário Oficial, nesta quinta-feira (9) para adequações no edital. Além dos serviços, a empresa também fornece os materiais.

A Guatós atende todos os órgãos do governo e segundo o Portal da Transparência, já recebeu pelos serviços o valor total de R$ 28.924.593,95‬.

Os maiores valores de contrato são os seguintes: R$ 11.718.628,98 da Secretaria de Educação; R$ 5.951.284,32 da Sejusp; R$ 7.780.373,98 da UEMS e R$ 2.359.526,28 da Fundação Especial de Saúde, conforme o Portal da Transparência.

De 1º de janeiro até agora, a SAD vem prorrogando os prazos de contrato entre a empresa e as fundações e secretarias. Não há previsão de retomada da licitação. Na época em que o contrato foi publicado, seriam 131 dias de vigência, vencendo em 14 de dezembro do ano passado. 

O atual contrato substituiu os serviços anteriormente prestados pela Vyga, que se tornou alvo de ação judicial coletiva por atrasos em pagamentos.

Governo suspende licitação para contratação de empresa de limpeza
Mais notícias