Governo suplementa R$ 37,3 milhões para fundos especiais e TJMS

Maior movimentação foi no Fundersul

O governador de , (PSDB), assinou decreto de suplementação do orçamento na ordem de R$ 37,3 milhões. O decreto foi publicado na edição desta sexta-feira (27) do DOE (Diário Oficial Eletrônico).

No (Fundo de Desenvolvimento do Sistema Rodoviário do Estado de ) foram cancelados e depois destinados novamente R$ 25 milhões para “desenvolvimento do transporte multimodal”.

O TJMS (Tribunal de Justiça de ) também teve cancelados e consecutivamente suplementados R$ 8 milhões para “gestão de pessoal e encargos”.

Já no Fesa (Fundo Especial de Saúde), foi anulada verba de R$ 1 milhão para gestão e manutenção, que será destinada para “estruturação de Unidade de Atenção Especializada em Saúde em Três Lagoas. Foram cancelados ainda R$ 2,2 milhões da “atenção à saúde de forma regionalizada” em favor do “aperfeiçoamento da assistência hematológica e hemoterápica”.

O Fesp (Fundo Estadual de Segurança Pública) terá um R$ 1 milhão para gestão e operacionalização, enquanto a (Secretaria de Estado de Administração e Desburocratização) teve cancelados e suplementados em seguida R$ 6 mil.

Essa mesma quantia na (Secretaria de Estado de Infraestrutura) foi retirada da área de “concessão de linhas de transporte intermunicipal de passageiros” e repassada para “construção, reforma e adequação de aeródromos”.

E o Fundo Estadual de Assistência Social teve remanejados R$ 75 mil da “oferta de serviços socioassistenciais de proteção social especial regionalizados” para “cofinanciamento do Fundo Estadual de Assistência Social para os Fundos Municipais de Assistência Social”.

Governo suplementa R$ 37,3 milhões para fundos especiais e TJMS
Mais notícias