Empresa vai receber R$ 8,5 milhões para ampliar sistema de esgoto em dois municípios

Obras serão realizadas em Jardim e Maracaju pela construtora Brasan

A ampliação dos sistemas de esgoto em Jardim e Maracaju, vão custar à Sanesul (Empresa de Saneamento de Mato Grosso do Sul) R$ 8.547.400,93. Os contratos foram publicados no Diário Oficial do Estado, desta segunda-feira (2).

As contratações são remanescentes de obras e sem licitação. Em Maracaju e Jardim, a empresa Brasan – Brasil Saneamento, Redes de Esgoto e Construção Civil, vai executar obras para a ampliação do SES (Sistema de Esgotamento Sanitário). A empresa é de São Miguel do Iguaçu, Paraná.

A obra vai custar R$ 4.813.258,14 que será pago com recursos próprios da Sanesul, da Caixa Econômica Federal, FGTS Saneamento para Todos e Programa Avançar Cidades. 

Em Jardim, o valor do contrato é de R$ 3.734.142,79, a serem pagos também com recursos próprios da Sanesul, da Caixa Econômica Federal, FGTS Saneamento para Todos e Programa Avançar Cidades. 

Os contratos foram assinados em 17 de fevereiro pelo diretor-presidente da Sanesul, Walter Carneiro e Fernando da Silva Bijari, responsável pela Brasan. Os dois contratos têm vigência de 12 meses e o prazo de execução é de 10 meses, ambos contados a partir da emissão da Ordem de Serviço. 

Empresa vai receber R$ 8,5 milhões para ampliar sistema de esgoto em dois municípios
Mais notícias