Câmara de Campo Grande compra 2 mil máscaras para servidores e visitantes

Compra custou R$ 660, conforme extrato divulgado no Diário Oficial da Casa de Leis da Capital

A Câmara Municipal de Campo Grande dispensou processo licitatório para comprar 2 mil máscaras de proteção descartáveis. A aquisição que custou R$ 660 foi divulgada no Diário Oficial do Legislativo desta quinta-feira (19).

Segundo o extrato, as unidades são destinadas a servidores e visitantes da Câmara. Durante a pandemia do coronavírus, público no geral e imprensa não poderão acompanhar sessões ordinárias, que neste período serão transmitidas ao vivo na página da Casa de Leis no Facebook. A primeira neste formato ocorreu na terça-feira (17),

Outros eventos, como audiências públicas e sessões solenes, sequer vão ocorrer nos próximos dias. As ações fazem parte da tentativa de evitar ao máximo aglomerações de pessoas e, assim, diminuir a transmissão do vírus. Em Campo Grande, até quarta-feira (18), eram 7 casos confirmados da doença e o município decretou situação de emergência.

Vários serviços estão suspensos no momento, aulas em escolas e universidades estão paralisadas. O apelo das autoridades é para que as pessoas fiquem o máximo possível em suas casas e, caso precisem deixar as residências, a orientação é manter as mãos limpas e evitar contato com outras pessoas e superfícies, como maçanetas – que podem estar contaminadas.

Mais notícias