Agesul paralisa dois contratos de obras no interior de MS

Serviços ficam parados por dois meses

A (Agência Estadual de Gestão de Empreendimentos de Mato Grosso do Sul) paralisou dois contratos relativos a obras em municípios do interior. Os extratos foram publicados na edição desta segunda-feira (28) do DOE (Diário Oficial Eletrônico).

O primeiro, assinado com a GNV Engenharia e Comércio para pavimentação e em uma rua de Camapuã, fica paralisado por 60 dias (cerca de dois meses), contados a partir de 8 de setembro.

O outro contrato, com a Schettini Engenharia para elaboração de projetos executivos de recapeamento em Anastácio, Inocência e Selvíria e também pavimentação e em uma rua de Aquidauana, fica congelado pelo mesmo período, contando a partir de 3 de setembro.

Foi prorrogada ainda a paralisação de contrato com PAE Planejamento, para elaboração do projeto executivo de pavimentação asfáltica, duplicação, ampliação, acessibilidade e da rodovia MS-477 (Nelson Moraes de Mattos), em Dourados, por mais 90 dias (cerca de três meses), contados a partir de 30 de agosto.

Em nota, a informou que a paralisação em Camapuã “foi feita para readequação de projeto e assim reprogramação de planilha”. No caso do segundo contrato, os técnicos decidiram iniciar uma revisão, já que a região é constantemente afetada por enchentes.

*(Texto alterado às 9h31 para acréscimo de informações)

Agesul paralisa dois contratos de obras no interior de MS
Mais notícias