Notícias de Mato Grosso do Sul e Campo Grande

Servidores concursados do Estado também estão sem receber vale-transporte

Mesmo sem o benefício, funcionários tiveram o percentual de contribuição descontado do salário

Os servidores concursados do governo do Estado também estão com problemas para receber o vale-transporte, mesma situação vivenciada pelos comissionados, conforme matéria publicada na quarta-feira (9) pelo jornal Midiamax. A situação foi denunciada por uma servidora, que preferiu não se identificar e confirmada pelo Sindsad (Sindicato dos Trabalhadores e Servidores Públicos da Administração Do Estado do Mato Grosso do Sul).

De acordo com a entidade, alguns funcionários ligados a ela entraram em contato para reclamar sobre a situação. A presidente do sindicato, Lilian Fernandes, afirmou que devido ao número de ligações recebidas relatando o problema e ao tempo decorrido, a entidade procurou a SAD (Secretaria de Estado de Administração e Desburocratização) para entender o que estava ocorrendo.

“Esse ano está sendo atípico porque geralmente isso ocorre apenas nos primeiros dias do ano, mas logo é resolvido, porém, já se passaram muitos dias, então fomos até a SAD para saber o motivo da demora e nos foi informado que até o final desta semana isso estará solucionado”, afirmou.

Segundo Fernandes, a situação é comum por conta de o “ano financeiro” estar no início. Conforme ela explicou, o Estado não pode empenhar recursos para pagamento do ano seguinte, isso deve ser feito apenas quando ele se inicia, fato de gera o atraso, entretanto, ela afirmou que não lembra de que isso tenha ocorrido por tantos dias.

Apesar do atraso no repasse do benefício, os servidores tiveram os 6% referentes ao vale-transporte descontados de seu salário de janeiro.

Em conversa com a Secretaria de Administração, a presidente disse que lhe foi garantido que todos os concursados receberão em dinheiro junto com seu pagamento por todos os dias que tiveram de pagar pelo transporte. O sindicato representa cerca de 7 mil funcionários administrativos do Estado (exceto os ligados a educação).

Você pode gostar também
Comentários
Carregando...