MPMS gastou R$ 342 mil com diária para servidores em abril

Órgão publicou tabela de gastos na edição desta quinta-feira do Diário Oficial

O MPMS (Ministério Público de Mato Grosso do Sul) publicou os dados das diárias pagas a servidores do órgão, incluindo promotores e o próprio PGJ (Procurador-Geral de Justiça), Paulo Cezar dos Passos. Apenas durante o mês de abril, a instituição gastou R$ 342.137,65 com essas demandas.

Os dados foram publicados no Diário Oficial do Ministério Público desta quinta-feira (16). De acordo com a publicação, além dos valores pagos aos servidores, também foram gastos R$ 29.248,25 com a compra de passagens aéreas.

A tabela apresentada pela publicação mostra que por dois dias de trabalho, Passos recebeu incremento de R$ 2.659,65 por participar da solenidade de posse do procurador de Justiça Aylton Flávio Vechi, no cargo de PGJ (Procurador-Geral de Justiça) de Goiás. Porém, um outro servidor, que passou quatro dias e percorreu 16 cidades do Estado para entregar materiais de consumo e expediente nas Promotorias de Justiça, recebeu R$ 1.404,90.

Mais notícias