Iagro contrata empresa investigada pela PF por R$ 4,3 milhões

Mil Tec Tecnologia da Informação herdou todos os contratos com o governo que a Itel Informática, de João Baird, tinha

A Iagro (Agência Estadual de Defesa Sanitária Animal e Vegetal) publicou no DOE (Diário Oficial do Estado) desta terça-feira (1º), extrato contratando a empresa Mil Tec Tecnologia da Informação, investigada pela PF (Polícia Federal), na operação Fazenda de Lamas, braço da Lama Asfáltica, por R$ 4,3 milhões. 

A assinatura do contrato é de 6 de setembro, quando foi divulgado o contrato, dispensando a licitação e contratando a Mil Tec de forma emergencial. Hoje, foi publicado o contrato com a empresa que herdou todos os contratos do governo com a Itel Informática, empresa de João Baird, réu na operação. 

Segundo o extrato, a empresa tem que prestar serviços de informática para atendimento das demandas da Iagro. O valor total é de R$ 4.320.000,00. A legislação aplicável ao contrato será a Lei nº 8.666 de 21 de junho de 1993, e suas alterações, e as demais disposições aplicáveis a Licitação e Contratos Administrativos.

O prazo é de 180 dias, contados a partir da assinatura, que foi no dia 6 do mês passado, com assinaturas do diretor-presidente da Iagro, Daniel de Barbosa Ingold e o responsável pela Mil Tec, Ricardo Fernandes de Araújo.

A Mil Tec herdou os contratos da Itel Informática, empresa de João Baird, réu na Lama Asfáltica.

Mais notícias