Publicidade

Governo envia à Assembleia nomes para Fórum do MS Indústria

Proposta será analisada em discussão única

A ALMS (Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul) deve analisar nesta quarta-feira (10) a relação de nomes de membros efetivos, consultivos e respectivos suplentes que deverão compor o Fórum Deliberativo do MS Indústria. A grupo tem a prerrogativa de fixar normas para concessão de benefícios fiscais no Estado.

A relação foi enviada à Casa de Leis pelo governador Reinaldo Azambuja (PSDB) e indica representantes de quatro pastas do Executivo Estadual, além de membros indicados por federações ligadas à indústria, comércio e agricultura.

Plenário da Casa deve analisar a indicação de Reinaldo em discussão única. A matéria obteve parecer favorável na CCJR (Comissão de Constituição, Justiça e Redação) e tramita em regime de urgência.

Membros efetivos

Pela Semagro, os indicados ao Fórum são o titular Jaime Verruck e seu suplente Bruno Gouvêa Bastos. Sefaz (Secretaria de Estado de Fazenda) indicou Bruno Batista Gonzaga e Jonas Pimenta Filho, e Sedhast (Secretaria de Estado de Direitos Humanos, Assistência Social e Trabalho) Clistiano Fernandes Alves e a titular da pasta, Elisa Cleia Nobre, como suplente.

A Fiems (Federação das Indústrias de MS) indicou Cláudia Pinedo Zottos Volpini e Altair da Graça Cruz, Fetagri (Federação dos Trabalhadores Rurais Agricultores e Agricultoras Familiares) Jorge Bento Soares e Ramiro Moyses Neto.

Pela Fecomércio (Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo), devem integrar o Fórum Adilson Amorim Puertes e Reginaldo Henrique Soares Lima. Famasul (Federação da Agricultura e Pecuária) relacionou Justino Mendes de Aquino como titular e Eliamar José de Oliveira como suplente.

Federação dos Trabalhadores da Indústria indicou Cleoni Bortolli Salviano e José Roberto Silva. Duas sugestões caberiam à Fetracom (Federação dos Empregados no Comércio e Serviços), mas não foram relacionados.

Membros consultivos

Outras seis indicações relacionadas por Reinaldo Azambuja devem integrar o Fórum como membros consultivos. A PGE (Procuradoria-Geral do Estado) também pôde designar dois nomes e indicou as procuradoras Senise Freire Chacha e Suleimar S o u z a Shroder Rosa.

À Assomasul (Associação dos Municípios de Mato Grosso do Sul) também coube duas indicações. Os escolhidos foram o prefeito de Chapadão do Sul João Carlos Krug (PSDB) e o ex-prefeito de Ribas do Rio Pardo (PSDB).

A OCB (Sindicato e Organização das Cooperativas Brasileira em MS) relacionou Fabricio Soares Rodrigues e Celso Ramos Regis).

 

Mais notícias