Pregão suspeito e 4,2 milhões de certezas ‘agendadas’

Pregão com suspeita de direcionamento nem é mais novidade em Mato Grosso do Sul

Pregão suspeito não é mais novidade em . Agora, servidores da apontam indícios de direcionamento em contrato que teria 4,2 milhões de certezas sobre o resultado supostamente “agendadas”.

Desta forma, para assegurar o direcionamento, edital teria especificações detalhistas para programa de computador que deve ‘integrar sistema de gestão’.

Segundo as informações, estariam por dentro das conversas antes do pregão suspeito um diretor e procuradora de agência pública.

Além disso, certeza do sucesso no esquema seria tamanha, que já teriam gente festejando por conta em terras cuiabanas.

Enquanto espalha conserva mole sobre ‘ser compliant’, o grupo usaria gordas ‘comissões’ para assegurar contratos com os pregões supeitos.

Segundo Jonas Lima ensina no Conjur, “o direcionamento de uma licitação deve ser apurado a começar pela regra do artigo 3º, parágrafo 1º, inciso I, da Lei 8.666/93, que veda ‘preferências ou distinções em razão da naturalidade, da sede ou domicílio dos licitantes ou de qualquer outra circunstância impertinente ou irrelevante para o específico objeto do contrato’.

A conferir…

Achou algum pregão suspeito? Conte para o Midiamax!

Se você está por dentro de alguma informação que acha importante o público saber, fale com jornalistas do Jornal Midiamax!

Fala Povo: O leitor pode falar direto no  do Jornal Midiamax pelo número (67) 99207-4330. O canal de comunicação serve para os leitores falarem com os jornalistas. Se preferir, você também pode falar com o Jornal direto no Messenger do Facebook.

Flagrantes inusitados, denúncias, reclamações e sugestões podem ser enviados com total sigilo garantido pela lei.

Pregão suspeito e 4,2 milhões de certezas 'agendadas'
Mais notícias