Vai rodar

Chefes tentaram segurar servidor flagrado com boca na botija em escândalo policial

Menos comprometidos correm contra o tempo para escapar de novos escândalos (Ilustração, Web)

Mesmo com tentativas dos chefes para segurar a bronca, colegas devem guardar em breve sujeito acostumado a abraçar bandidagem em troca de ‘qualquer agrado’. Como se envolveu com galera da pesada que estava agindo descontroladamente, não deve escapar dessa vez, para desespero de amigos que atuam na mesma instituição e compartilham das práticas pouco republicanas para aumentar o ganhos.

Como são de classe que não ganha pouco, envergonham e causam indignação entre os servidores que levam a carreira a sério e têm vergonha na cara. Resta saber se, guardado e exposto, o sujeito vai arrastar parceiros graúdos tão comprometidos quanto ele que inclusive ocupam cargos importantes…

Vai rodar
Mais notícias