Improbidade só na agência?

Fica cada vez pior situação de implicados em escândalo de inércia e acobertamentos

Foto: Marcos Ermínio | Midiamax.

Quem anda confiando que rojão prestes a estourar vai atingir só agência reguladora pode ter surpresa desagradável. Alguns apostam que só é complicada a situação de quem passou pelo órgão e colocou assinatura nos papéis que devem comprovar denúncias antigas de supostas omissão, inércia e acobertamento relacionadas ao descumprimento sistemático de contrato público.

Só que órgão ministerial também notório pela lentidão frente às denúncias que atingem poderosos já não tem como manter na gaveta o rolo e a corda deve estourar não só para o lado mais fraco.

Flagrantes são tão contundentes que até órgãos de outros estados se espantam com a morosidade regional. E todo mundo que se comporta como se estivesse no bolso está na linha de tiro. O fato é que, como ninguém nunca quis bater de frente com grupo empresarial, agora todos devem responder solidariamente. Expectativa é de que vai sobrar para quem tem obrigação de normatizar, regular, fiscalizar, investigar, punir…

Improbidade só na agência?
Mais notícias