Publicidade

Narcounidades

Enquanto gestores supostamente se esbaldam em pequenos esquemas, Mato Grosso do Sul corre risco real de enfrentar crise prisional de proporções inimagináveis. Relatórios internacionais apontam reiteradas vezes que continua o processo de fortalecimento de facções usando alianças com agentes públicos como forma de garantir o controle de alas e, em alguns casos, até mesmo de unidades inteiras.

Corredor do narcotráfico latinoamericano, o estado estaria, segundo análise de agências estrangeiras, possibilitando ‘florescer de articulado sistema de controle das atividades ilícitas a partir de unidades prisionais estatais, tutelando indiretamente o fortalecimento de facções’…

Mais notícias