[ BASTIDORES ] Bolo surpresa para a ministra

Aprova agora

Evento de entrega de patrulha mecanizada reuniu a maioria dos políticos de Mato Grosso do Sul na praça do Rádio Clube, na manhã desta segunda-feira (8). O presidente da Casa de Leis, Paulo Corrêa (PSDB) durante discurso disse que se a ministra da Agricultura Tereza Cristina (DEM) quisesse, a Assembleia poderia aprovar ali mesmo qualquer projeto, pois tinham 11 deputados presentes.

Pagar tudo

Durante a viagem do governador Reinaldo Azambuja (PSDB) a Assunção junto com comitiva do Estado, o desembargador Paschoal Carmello Leandro vai comandar MS. A ministra brincou dizendo que o estado tem conta demais para pagar. Azambuja emendou dizendo que o presidente do TJMS ia ter que pagar tudo.

Agenda cheia

Paschoal será governador por um dia e meio e, segundo Reinaldo, terá “agenda extensa” no cargo. Já pela manhã, ele visita Corumbá para entrega de obras e assinatura de termo de cooperação.

Nada de reconciliação

A senadora Soraya Thronicke (PSL) e o deputado estadual Coronel David (PSL) parecem que não sentaram para conversar mesmo. Os dois estiveram no mesmo evento, mas cada um para um lado diferente.

Discurso

Durante seu discurso, parece que a senadora teve um “branco” e se atrapalhou toda para falar o nome do presidente do TJMS. Mas, na terceira tentativa, ela conseguiu.

Burburinho

O discurso de Soraya causou burburinho na plateia. Ela afirmou que o presidente da República não ia intervir na nomeação de ninguém para cargo público, mas fez questão de escolher o secretário nacional da Pesca, Jorge Seif. “Eu viajei com ele para Israel e agora sei o motivo da escolha. Pela primeira vez, a pesca vai ser incluída no Plano Safra”

Renovando o visual

Aviso de licitação convida empresas a participarem de pregão de R$ 355 mil para compra de uniforme para funcionários de apoio às atividades do Tribunal de Contas.

Não me convidaram

O vereador douradense Cido Medeiros (DEM) não se fez de rogado e reclamou durante sessão na Câmara por não ter sido incluído pelo partido nas pesquisas internas para prefeito, dizendo também que os colegas de legenda se acertam na Capital e deixas os de Dourados a ver navios.

De Pelé a Mané

Após ser chamada de “mami poderosa”, a ministra Tereza Cristina recebeu mais elogios de Bolsonaro. Remetendo à Seleção de futebol, ele afirmou que a chefe da Agricultura foi o Pelé do Brasil no acordo com a União Europeia, comparando ainda o ministro Ernesto Araújo a Mané Garrincha, e Paulo Guedes a Nilton Santos.

Happy Birthday

O aniversário da ministra Tereza Cristina não passou despercebido, ao menos para a equipe do Banco do Brasil. Ao final da apresentação do Plano Safra em Campo Grande, foi homenageada com um singelo bolo, além de abraços e felicitações diversas.

Mais notícias