Uso de máscara passa a ser obrigatório na Câmara Municipal de Campo Grande

Equipamento será distribuído para servidores e estagiários, mas exigência de uso vale para qualquer pessoa que for à Casa de Leis

Publicado no Diogrande (Diário Oficial de Campo Grande) desta segunda-feira (4), ato da Mesa Diretora da determina uso obrigatório de máscaras nas dependências do prédio, como forma de combater a proliferação do coronavírus (), a partir de quinta-feira (7).

Com a Casa de Leis fechada para público e imprensa, pelo menos durante as sessões ordinárias, a medida abrange os 29 vereadores, servidores, estagiários, terceirados e público em geral.

O equipamento de proteção individual será entregue para funcionários e estagiários, e, a obrigatoriedade, traz o documento, será cobrada ‘por tempo indeterminado’, a partir da quinta-feira (7).

Neste segunda-feira, o uso obrigatório da máscara passou a valer nos ônibus que circulam pela cidade. Orientação quanto ao uso e fiscalização ocorreram em terminais do transporte coletivo nesta manhã.

Uso de máscara passa a ser obrigatório na Câmara Municipal de Campo Grande
Mais notícias