Sessões na Alems continuam remotas até 30 de outubro deste ano

Por decisão da maioria dos deputados, trabalho vai continuar remoto, devido à pandemia

Os deputados estaduais de Mato Grosso do Sul decidiram por maioria, em sessão nesta quinta-feira (24), pela manutenção das sessões remotas devido à pandemia do coronavírus. Com isso, os trabalhos continuam online até 30 de outubro.

Presidente da Casa de Leis, Paulo Corrêa (PSDB) abriu votação para decidir se os trabalhos voltariam a ser presenciais ou não. “Quero fazer uma observação, na sessão online a presença dos deputados é maior, só tem prejuízo do plenário, mas o rendimento do projeto é substancial”.

Assim, votaram a favor do retorno das sessões presenciais, os deputados: Capitão Contar (PSL), Herculano Borges (Solidariedade) e Neno Razuk (PTB).

Portanto, foram 15 votos favoráveis para manter as sessões remotas por mais um mês, até 30 de outubro. 

Lídio Lopes (Patriota) justificou seu voto. “Tivemos uma aumento considerável de casos devido ao último feriado e considero perigoso voltarmos agora”.

Rinaldo Modesto (PSDB) disse ter perdido amigos nos últimos dias por causa da Covid-19. “Perdi um pastor amigo e a esposa dele está em estado grave. Se voltarmos presencial, vamos receber várias pessoas e o risco de contaminação é grande”.

Renato Câmara (MDB) também foi favorável em manter as sessões online. “Se voltarmos presencial agora, seremos ponto de disseminação da doença e não é prudente”.

Sessões na Alems continuam remotas até 30 de outubro deste ano
Mais notícias