Sérgio Harfouche muda estratégia e pede nova análise de argumentos ao TRE-MS

Defesa do procurador licenciado quer esgotar discussão antes de recorrer à última instância

() mudou a estratégia anunciada na última quinta-feira (12). Ao invés de recorrer ao (Tribunal Superior Eleitoral) para reverter a rejeição à candidatura a prefeito do procurador licenciado, a defesa optou por pedir nova análise dos argumentos ao próprio (Tribunal Regional Eleitoral).

Os advogados de Harfouche, liderados por Vinícius Monteiro Paiva, protocolaram recurso de embargos de declaração no tribunal regional, pela manhã de hoje (14). 

A peça sustenta que a decisão pelo indeferimento da candidatura foi omissa e não analisou aspectos levantados no recurso da defesa e no parecer da Procuradoria Regional Eleitoral – que se opôs à impugnação.

Além disso, argumentou que o se embasou em “julgados inaplicáveis ao caso”. Os advogados de ainda insistiram no precedente de 2018, quando a corte freou a impugnação de sua candidatura ao Senado.

Segundo Vinícius Paiva, os embargos de declaração pretendem esgotar a discussão no para, depois, recorrer ao .

O nome do procurador licenciado foi para a urna, mas com status “sub judice”. Portanto, o indeferimento mantido em última instância anularia seus votos neste domingo (15). Por outro lado, o status não impede uma eventual ida ao .

Sérgio Harfouche muda estratégia e pede nova análise de argumentos ao TRE-MS
Mais notícias