PP deve lançar ‘chapa pura’ para prefeito em Coxim e já tem 20 nomes para a Câmara

Na principal cidade da região norte de Mato Grosso do Sul, a disputa eleitoral de 2020 já começa a ganhar contornos. Entre os pré-candidatos a prefeito de Coxim aparecem nomes novos para os eleitores, mas também alguns já conhecidos por frequentarem as urnas, como Moacir Kohl (PTB) e vereadores e ex-vereadores.

Um deles é o Sérgio Alexandre da Silva, conhecido como Serginho Bombeiro e que já foi vereador e candidato a vice-prefeito em Coxim. Agora, ele encabeçar a chapa do PP a prefeitura local. Seu nome já havia sido colocado como pré-candidato em outubro do ano passado pelo presidente regional do partido, o deputado estadual Evander Vendramini.

“Por enquanto, o meu nome segue confirmado. Já temos algumas conversas com pessoas que vão nos apoiar nessa empreitada e temos dois possíveis vices, que devem se filiar ao PP”, comenta Serginho ao falar sobre as negociações para outubro.

Entre os possíveis vices, estão Manezinho da Gazin e Silvia Lima, viúva do ex-assessor parlamentar Professor Bira, conhecido na região por seu trabalho em Brasília (DF) para angariar recursos para o Estado e por ter sido candidato a prefeito – justamente com Serginho Bombeiro como vice, em 2016.

Ele ainda explica que o partido já tem 20 nomes para disputar vaga na Câmara Municipal de Coxim, sendo 14 homens e seis mulheres, obedecendo a nova regra eleitoral. “Nossa chapa será pura no Executivo também”, explica o pré-candidato, que completa.

“Além disso, estamos unindo um grupo alternativo de pessoas de boa índole. Também há bastante militares em nossa chapa, tanto das forças estaduais como do Exército, já aposentados”, frisa Serginho, destacando que o panorama político local é favorável ao crescimento de nomes já estabelecidos, mas sem vinculação com a atual gestão.

PP deve lançar 'chapa pura' para prefeito em Coxim e já tem 20 nomes para a Câmara
Mais notícias