Pela 2ª vez, Delcídio deixa hospital após internação por dengue e coronavírus

Ex-senador deve seguir em isolamento social até se recuperar das doenças

Nesta segunda-feira (03), o ex-senador deixou o hospital após ser internado por dengue e coronavírus. Nos 20 dias que enfrenta a doença, o ex-senador chegou a ser internado duas vezes.
Nas redes sociais, Delcídio criou um diário virtual sobre as doenças que enfrenta. Na última publicação afirmou que já está voltando para a própria casa e deve seguir em isolamento social.
“Graças a Deus recebi alta e estou voltando pra casa agora. As únicas recomendações médicas são terminar algumas medicações orais e me isolar por mais alguns dias”. Assim, o ex-senador lembrou que as recomendações são para restabelecer a imunidade, que acabou sendo abalada pela infecção dupla.
Ainda sobre as internações, Delcídio revelou que recebeu recomendações para fazer o acompanhamento médico em outro Estado, em São Paulo. Apesar da indicação, ele se manteve internado em Campo Grande.
“Me encheram de orgulho a capacidade e o profissionalismo desses anjos da saúde do Mato Grosso do Sul”, comentou sobre a internação. 
Em alerta, o ex-senador assegurou que após uma “dura experiência” as orientações divulgadas pelas autoridades de Saúde se tornam ainda mais importantes. As recomendações já são conhecidas por maior parte da população, consistem em ficar em casa o máximo de tempo possível, usar máscaras quando for sair e higienizar as mãos constantemente.
Por fim, Delcídio lembrou que “enquanto não houver vacina para todos, esses procedimentos são os únicos que podem garantir a nossa saúde”. O ex-ministro acredita que “quanto menos pessoas se infectarem pela Covid-19, maior será a chance, dos que não tiveram a mesma sorte, de serem adequadamente atendidos pelos hospitais”.
Pela 2ª vez, Delcídio deixa hospital após internação por dengue e coronavírus
Mais notícias