Pastor, deputado registra BO após perfil falso associar seu nome à Maçonaria

Ele disse não ter nada contra a organização, mas que não quer confundir seus fiéis

Pastor da Igreja Universal do Reino de Deus, o deputado estadual Antonio Vaz (Republicanos) registrou, nesta sexta-feira (3), boletim de ocorrência denunciando a criação de dois perfis falsos nas redes sociais associando seu nome à Maçonaria.

Pastor, deputado registra BO após perfil falso associar seu nome à Maçonaria
Perfil falso denunciado pelo parlamentar. (Reprodução)

No registro, formalizado na delegacia por seu advogado relatando os crimes de injúria e falsidade ideológica, Vaz ressaltou ‘não ter nada contra’ a Maçonaria, mas que prega outras ideologias em seus cultos e não quer confundir seus fiéis e eleitores.

“Estou sem palavras pela falta de respeito, estão se passando por mim, como parlamentar me preocupo, pois, colocaram fotos minhas durante a sessão da assembleia legislativa e da minha esposa”, reclamou o deputado.

O parlamentar informou já ter denunciado as contas como perfis falsos, mas não obteve resposta e elas permanecem ativas. Ele disse ainda ter acionado seus seguidores para que denunciem as contas.

No boletim de ocorrência, o advogado do deputado detalhou que após inúmeras denúncias no Instagram, um dos perfis alterou o nome para outra palavra aleatória, mas as fotos do parlamentar, inclusive com sua esposa, permanecem expostas no fake.

“Infelizmente existem pessoas mal intencionadas e não sabemos o que elas pretendem, já denunciei e entrei em contato com perfil falso, mas não obtive resposta. Comuniquei meus seguidores e peço para denunciarem, as medidas cabíveis já foram tomadas, até porque isso é crime”, finalizou o deputado.

Pastor, deputado registra BO após perfil falso associar seu nome à Maçonaria
Mais notícias