Partido de Bolsonaro não será criado antes de eleições e Coronel David deve ir para outra legenda

Deputado diz que antes de qualquer decisão, ouvirá o presidente Jair Bolsonaro

Após receber aval do TRE-MS (Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso do Sul) para sair do sem perder o mandato, o deputado estadual já sabe que não deve se filiar no Aliança pelo Brasil, pois o partido não será criado antes das eleições deste ano e avalia os convites que têm recebido de outras agremiações para filiação.

O parlamentar ingressou no TRE com pedido de desfiliação alegando justa causa e que seus antigos correligionários estariam tentando ‘desestabilizar’ seu mandato político. A decisão do Tribunal saiu na última segunda-feira (30) sendo unânime e não cabendo recurso. “Recebi com alívio a decisão do TRE que me permitiu desfiliar do ”.

Sobre seu destino político, diz estar avaliando os convites recebidos. “Estou recebendo convites de várias agremiações partidárias e estou avaliando. Logicamente que qualquer decisão que eu adote em me filiar em algum partido, ouvirei o presidente Bolsonaro”.

Segundo o deputado, o Aliança pelo Brasil, sigla que o presidente da República pretende criar após também deixar o no fim do ano passado, não será criada a tempo. “Contribui com os apoiamentos buscando a criação do Aliança, que infelizmente não será criado a tempo de participar das eleições. A demora na criação é por causa dos trâmites que precisam ser vencidos junto ao TSE. A pandemia também atrapalhou e muito isso”.

Com a situação, o parlamentar diz estar analisando os convites de outros partidos e inclusive, da possibilidade de se candidatar a prefeito de Campo Grande. “Depende das conversas que estão sendo mantidas aqui em Campo Grande e também em Brasília. Mas, como não houve ainda uma definição, eu prefiro aguardar os desdobramentos da conversa”, afirmou sem adiantar com qual partido está ‘namorando’.

Em outro momento, antes de sair a decisão do TRE, afirmou à imprensa que tinha recebido convites do MDB e DEM para filiação.

Partido de Bolsonaro não será criado antes de eleições e Coronel David deve ir para outra legenda
Mais notícias