Marquinhos, Cris e Sidnéia oficializam nomes no TRE-MS para disputar prefeitura da Capital

Agora, Campo Grande tem 12 nomes confirmados na corrida pelo Executivo municipal nestas eleições

O prefeito de Campo Grande e candidato à reeleição Marquinhos Trad (PSD) oficializou seu nome na Justiça Eleitoral para disputar as eleições deste ano. Além dele, também se registraram as duas únicas mulheres na corrida pelo Executivo: Cris Duarte (PSOL) e Sidnéia Tobias ().

Agora são 12 os candidatos oficiais à prefeitura da Capital. Além do trio diplomado hoje (25), também já estão registrados Dagoberto Nogueira (PDT), Marcelo Bluma (PV), Guto Scarpanti (Novo), Sérgio Harfouche (Avante), Esacheu Nascimento (PP), Pedro Kemp (PT), Márcio Fernandes (MDB), Marcelo Miglioli (Solidariedade) e Loester Trutis (PSL).

Dos que deliberaram candidaturas próprias durante as convenções partidárias, três ainda não oficializaram seus nomes. São eles: Thiago Assad (PCO), Paulo Matos (PSC) e João Henrique Catan (PL).

Conforme calendário eleitoral, partidos e coligações têm até amanhã (26) para, presencialmente, registrar candidatura em cartório eleitoral, porém, a documentação pode ser encaminhada de forma online até 8h de domingo (27).

Marquinhos Trad

O candidato à reeleição é apenas o segundo a homologar chapa com alianças. Além do PSD, Patriota, PC do B, PSDB, PTB, Rede, , Cidadania,  e Democratas também embarcam na coligação “Avançar e Fazer Mais”. A candidata a vice é Adriane Lopes, do Patriota, também em busca da reeleição.

Trad, de 56 anos, declarou R$ 2,519 milhões em bens à Justiça Eleitoral. Entre os imóveis estão um terreno avaliado em R$ 440 mil e uma sala comercial de R$ 222,9 mil.

A maior parte do patrimônio declarado está em planos de previdência privada – R$ 1,402 milhão. Trad ainda tem R$ 65,9 mil em consórcio não contemplado e R$ 5,2 mil em cadernetas de poupança.

O candidato à reeleição também revelou ter três veículos em seu nome – um Fiat Palio Weekend Adventure de 73 mil; um VW Tiguan de R$ 158,5 mil; e uma Mitsubishi Outlander de R$ 151,9 mil.

Marquinhos, Cris e Sidnéia oficializam nomes no TRE-MS para disputar prefeitura da Capital
Cris Duarte (ao centro), candidata à prefeitura pelo PSOL (Foto: Reprodução/Facebook)

Cris Duarte

A psicóloga Cris Duarte, 45 anos, disputa pelo PSOL sua primeira eleição ao Executivo municipal. A vice é a indígena terena Val Eloy. Cris não declarou bens à Justiça Eleitoral.

Delegada Sidnéia Tobias

A candidata do Sidnéia Tobias, 55 anos, concorre à prefeitura em chapa pura, com Professor Samuel como vice. A servidora aposentada leva para a urna a profissão que a tornou conhecida, delegada.

Sidnéia declarou apenas R$ 250 mil em bens à Justiça Eleitoral. O montante é referente a “disponibilidade diversas, inclusive bancos, numerários em banco, joias, etc”, forma como ela mesma registrou a quantia.

As eleições deste ano serão realizadas no dia 15 de novembro. Caso necessário, o segundo turno será no dia 29 do mesmo mês.

Marquinhos, Cris e Sidnéia oficializam nomes no TRE-MS para disputar prefeitura da Capital
Mais notícias