LISTA: Dos seis candidatos a prefeitura de Paranaíba, somente um é milionário

Todos os candidatos são homens brancos com idades entre 66 e 37 anos

Nas eleições de 2020, o município de Paranaíba, distante 413 km de Campo Grande, tem seis candidatos ao cargo de prefeito. Um deles tem patrimônio avaliado em mais  de R$ 6 milhões.  

Binga Freitas é candidato pelo Dem e concorre a primeira vez pelo cargo máximo da prefeitura. Em 2016, Ailson Freitas – seu nome real – foi eleito vereador por coeficiente partidário. Neste ano quem o acompanha como vice é o contador Cesinha Leal. 

Freitas, que é advogado, somente cadastrou 50% de um imóvel no valor de R$ 10 mil.

Fredson Freitas é candidato pelo e tem como vice a professora Alcita Ferraz. Fredson, que é advogado, foi eleito vereador em 2008 e vice-prefeito em 2012. Também concorreu a deputado federal em 2014.

O candidato cadastrou junto ao (Tribunal Superior Eleitoral) R$ 915.463,16 em bens. Entre eles estão 25 animais de criação (R$ 50 mil), três imóveis (R$ 770 mil) e um automóvel (R$ 60 mil). 

Maycol Queiroz é candidato do PDT (Partido Democrático Trabalhista) e concorre pela segunda vez seguida à prefeitura. Neste ano sua vice é a Roseli. Queiroz, que é pecuarista, também concorreu a deputado federal em 2010 e vereador em 2008 (eleito) e 2012 (eleito por coeficiente partidário).

O candidato declarou R$ 212.459,82 em bens, entre eles uma casa de R$ 190 mil e um carro de R$ 22 mil.

Renato Arlivre é candidato pelo Avante e tem como vice o advogado Adejandro Lima. Empresário, Renato já concorreu para vereador em 2016 e neste ano tenta a prefeitura.

Arlivre tem R$ 989.908,45 em bens declarados. O bem que representa maior parte deste montante são 245 animais de criação, no valor de R$ 440 mil. Também possui uma casa no valor de R$ 228.196,05 e cinco veículos (um caminhão, duas motos e duas caminhonetes) que valem R$ 84,5 mil.

Sindoley Morais é candidato pelo (Partido Social Liberal) e tem como vice Dr. Walber. Sindoley, que é advogado, tentou o cargo de vereador em 2016 e deputado federal em 2018.

O candidato declarou R$ 34 mil em bens, sendo eles uma moto e um veículo de passeio.

Tita é candidato pelo MDB (Movimento Democrático Brasileiro) e já foi prefeito da cidade na gestão 2012/2016. Seu vice neste ano será Adriana Caçula. Diogo de Queiroz – seu nome real – tentou cargo de deputado estadual em 2006 e em 2010, quando foi eleito.

O pecuarista declarou R$ 6.399.171,62 em bens, sendo uma área de terra avaliada em R$ 3.474.153,30. Além disso, também possui 232 vacas (R$ 207.187,32), uma caminhonete (R$ 130 mil) e imóveis que valem R$ 530.805,03 no total.

Todos os candidatos citados têm o limite legal de gastos em R$ 1.452.150,58.

Propostas de campanha:

Binga Freitas

Fredson Freitas

Maycol Queiroz

Renato Arlivre

Sindoley Morais

Tita

LISTA: Dos seis candidatos a prefeitura de Paranaíba, somente um é milionário
Mais notícias