Governador de MS afasta PMs que deram soco em mulher e pisaram em homem

'Violência extrema e conduta empregada na ação policial são inadmissíveis'

Governador de Mato Grosso do Sul, Reinaldo Azambuja (PSDB) determinou nesta segunda-feira (23) que os policiais militares envolvidos em agressões com socos a uma mulher em Bonito e um ‘pisão’ em um homem, que aconteceu em Bodoquena, sejam afastados imediatamente da corporação.

Em nota encaminhada, Reinaldo afirma que ‘ainda que tenha havido ocorrência de desacato e agressões aos policiais, são inadmissíveis a violência extrema e a conduta empregada na ação policial nestes casos, que já estão sob rigorosa investigação, em inquérito Policial Militar – IPM’.

No entanto, a portaria ainda não foi publicada no Diário Oficial do Estado.

Agressões

Uma mulher de 44 anos está algemada de pé quando é empurrada por um policial militar. Ao cair na cadeira, ela chuta o PM, que revida com socos, mesmo que a mulher esteja algemada.

No outro caso, o mesmo policial que estaria atuando em Bodoquena dá um ‘pisão’ em um homem durante uma abordagem policial. Após a divulgação das imagens pela imprensa, o governo afastou os policiais envolvidos nas ações.

 

 

Governador de MS afasta PMs que deram soco em mulher e pisaram em homem
Mais notícias