Eleições 2020: Vereador André Salineiro confirma saída do PSDB para entrar no DEM

Nos bastidores, a conversa é de que o parlamentar pode assumir o comando da legenda em Campo Grande

O vereador de Campo Grande André Salineiro afirmou ao Jornal Midiamax que deixa o PSDB para entrar no DEM. Especulada e tratada como ‘possível’ pelo parlamentar até então, a mudança é confirmada por ele nesta segunda-feira (17).

Segundo Salineiro, a saída do PSDB ocorre por “identificação em seus propósitos na política”. Apesar do anúncio de agora, André Salineiro vai esperar a janela partidária, que abre em 5 de março e vai até 3 de abril para “definições finais de sua participação nas atividades do DEM”.

Nos bastidores a conversa é de que Salineiro, mais votado entre os vereadores eleitos em 2016, vai assumir a presidência municipal, o que não foi confirmado nesta manhã. “Isso não se sabe ainda, pois é uma decisão posterior do partido. Estou entrando para somar, no que depender de mim farei com que o Democratas se fortifique e muito na Capital”.

Até o fim de 2019, quem dirigia a sigla era o vereador Vinicius Siqueira (DEM). Em recente entrevista, este parlamentar afirmou que torcia pelo colega, para que ele não só entrasse em seu atual partido, mas também o comandasse em Campo Grande.

Em nota desta segunda, André diz que a ida para o Democratas se dá pela “boa relação” com o vice-governador Murilo Zauith, e com a ministra da Agricultura, Tereza Cristina, os dois do DEM.

O parlamentar, ainda no PSDB, é o primeiro a anunciar oficialmente a mudança, enquanto os colegas que cogitam trocar de legenda mantêm cautela e não confirmam à imprensa o destino – apesar das especulações que correm no cenário político.

Com a ida para o DEM, a bancada tucana reduz para cinco vereadores, mas segue sendo a maior na Câmara Municipal, enquanto a do Democratas fica com dois.

Mais notícias