Desde o primeiro mandato em Amambai, candidato do PSDB a reeleição enriqueceu R$ 200 mil

O outro candidato, Zé Bambil está na primeira candidatura política

Com dois candidatos à prefeitura de Amambai, 355 quilômetros distante de Campo Grande. O atual prefeito, Dr. Bandeira (), está na política da cidade desde 2012 e de lá para cá já ganhou e perdeu dinheiro. No entanto, outro candidato, Zé Bambil (), disputa a primeira eleição em 2020 e é sua primeira prestação de contas na Justiça Eleitoral.

O concorrente a prefeito, Zé Bambil (), listou seus bens e chegou em um total de R$ 482 mil. Seu maior bem é de R$ 170 mil, uma casa, ele também possui um caminhão de R$ 110 mil. Entre outros diversos itens listados.

Atual prefeito e candidato a reeleição, Dr Bandeira () está na política desde as eleições de 2012, quando foi eleito como vice-prefeito, após um mandato, em 2016, se candidatou como prefeito do município e ganhou a disputa. Agora está tentando permanecer por mais um mandato na prefeitura.

De vice para prefeito, o candidato enriqueceu mais de R$ 400 mil em quatro anos. No entanto, enquanto esteve como prefeito de 2016 até os dias atuais teve uma perda de mais de R$ 200 mil no patrimônio.

No início de sua carreira política em Amambaí, Dr. Bandeira tinha seus bens distribuídos entre investimentos financeiros, veículos, imóveis e uma clínica ortopédica. A sua maior concentração de renda era no valor de R$ 196.520,00, em uma casa em construção e R$ 180 mil em dinheiro em espécie.

Nas eleições seguintes, em 2016, quando se tornou prefeito do município, enriqueceu mais de R$ 400 mil. Sua maior concentração era dinheiro em espécie, R$ 456.800,00. Depois, com R$ 289.539,00 tinha 99% das cotas de uma empresa no ramo da agropecuária. O candidato continuou com a clínica ortopédica, possuía uma camionete, aplicações, entre outros itens. O valor total de bens ficou em mais de R$ 1 milhão.

Concorrendo à reeleição, o candidato perdeu mais de R$ 200 mil desde o mandato anterior na sua administração na prefeitura. Em dois imóveis, concentra mais de metade de seus bens, no valor de R$ 705.520,00. Dinheiro em espécie, segue entre os três primeiros itens em relação a valor e tem R$ 135.230,00, menos da metade que possuía nas últimas eleições. Hoje em dia, possui um total de bens no valor de R$ 874.792,93.

Todas as informações e a lista completa dos bens dos candidatos estão no site Divulgacand, referente a cada ano citado.

Desde o primeiro mandato em Amambai, candidato do PSDB a reeleição enriqueceu R$ 200 mil
Mais notícias