Conferência Estadual da Rede Sustentabilidade é marcada para fevereiro

Na oportunidade, o partido vai fazer análise de conjuntura para as eleições municipais deste ano

A Conferência Estadual do partido Rede Sustentabilidade foi marcada para 18 de fevereiro, no plenário da Câmara Municipal de Campo Grande. Na oportunidade, terá a eleição dos delegados para a conferência nacional que acontece em maio e a análise de conjuntura para as eleições municipais deste ano.

Para as eleições, a Rede vai ter candidatos em vários municípios onde há diretórios constituídos do Estado, inclusive para prefeituras. Conforme a porta-voz estadual da Rede, Tatiana Ujacow, também há possibilidade de candidaturas a vice-prefeitos. “Vamos ter candidatos a vereador em todas as cidades onde estamos constituídos e em algumas delas teremos candidatos a prefeito e em outras já fomos sondados para apresentar nomes para vice. Estamos analisando tudo com muito cuidado’, destacou.

Em Campo Grande, 26 filiados à Rede já demonstraram interesse em disputar uma cadeira na Câmara Municipal. Eduardo Romero é vereador e deve tentar a reeleição. Quanto ao executivo na Capital a estratégia eleitoral 2020 está em estudo, mas não foi descartada a possibilidade de candidatura própria.

Segundo o porta-voz municipal da Rede em Campo Grande, Alexandre Souto, “há na sigla excelentes pessoas com intenção de compor na política partidária aquilo que elas vivenciam e aquilo que elas têm para contribuir em políticas públicas coletivas”, disse. 

Atualmente a Rede tem filiados em 16 cidades de Mato Grosso do Sul e Ribas do Rio Pardo é o mais novo município a compor os quadros do partido, com intensa agenda de filiações, tanto de interessados em disputar as eleições quanto para fortalecer a sigla.

Conferência Estadual da Rede Sustentabilidade é marcada para fevereiro
Mais notícias