Com ação que pede lockdown, Câmara discute avanço do coronavírus na sessão

Medida que pode levar ao fechamento total de 14 dias está na Justiça

Nesta quarta-feira (5), a Comissão Especial criada na Câmara Municipal para discutir ações relativas ao coronavírus se reúne para atualizar números e medidas em relação à pandemia na Capital. A transmissão pode ser acompanhada pelo facebook.com/camaracgms ou pelo Youtube https://www.youtube.com/user/camaramunicipalcg., a partir das 9h30.

De acordo com Boletim Epidemiológico da Sesau (Secretaria Municipal de Saúde) de 3 de agosto, Campo Grande já registra 10. 834 casos confirmados da doença e 149 mortes. Além disso, ação da Defensoria Pública de Mato Grosso do Sul, na Justiça, pede a decretação do lockdown na cidade.

Atualmente, o decreto em vigor libera praticamente todas as atividades com horários e capacidade de lotação reduzidos. Contudo, mesmo com as restrições anteriores, o município afirma que os números de isolamento não melhoraram e que o fechamento total não ajudaria a conter o avanço, já que muitas pessoas fazem festas em casas, aglomerando e espalhando o vírus de todo modo.

Já a Defensoria cita as restrições mais severas adotadas em março deste ano, medidas que freando o avanço da doença pela Capital, para justificar a necessidade de um fechamento por, pelo menos, 14 dias. Os vereadores disseram ontem, durante a primeira sessão do segundo semestre, que um lockdown quebraria a cidade.

Com ação que pede lockdown, Câmara discute avanço do coronavírus na sessão
Mais notícias