Câmara vota vetos e se prepara para movimentação da janela partidária nesta semana

O mecanismo eleitoral que permite aos parlamentares troca de partidos começa na 5ª

Com sessão duas vezes na semana, a Câmara Municipal de Campo Grande, mesmo em seus bastidores, começará a viver dias mais movimentados nesta semana, com a abertura da janela partidária, na quinta-feira (5).

O mecanismo eleitoral permite aos parlamentares troca de partidos, sem risco de perda de mandato. Na Casa de Leis de Campo Grande, ao menos oito dos 29 podem trocar de legenda e o presidente João Rocha (PSDB) já afirmou que o decorrer da janela deve iniciar ‘clima eleitoral’.

Contudo, em plenário, os parlamentares votam na terça-feira (3) três vetos do prefeito Marquinhos Trad (PSD) a três projetos de leis. Um deles refere-se à proposta que cria diretrizes para ações de combate ao machismo e de promoção de valorização da mulher nas escolas municipais.

Outro projeto vetado, que será discutido na terça, institui o projeto educação Saber Direito nas escolas, com o objetivo de ‘formação humanitária, ética e cidadã dos alunos da rede pública municipal de ensino’. Também será analisada a proibição de fiscalização por meio de radares de fiscalização.

Câmara vota vetos e se prepara para movimentação da janela partidária nesta semana
Mais notícias