Após saída de Valdir do PP, Evander diz que decisão sobre candidato acontece em julho

Valdir reclamou do PP lançar Esacheu como pré-candidato

Presidente regional do PP, Evander Vendramini contestou nesta quinta-feira (5) a justificativa do vereador Valdir Gomes em deixar a sigla e ir para o PSD porque não teria sido indicado como pré-candidato do partido para disputar a Prefeitura de Campo Grande. “O lançamento das candidaturas é só em julho”, justificou.

Ao ser lembrado sobre o evento que o partido fez em novembro, com a presença do Esacheu Nascimento e anúncio de que ele seria o pré-candidato do partido, Vendramini disse que não era um impeditivo para que Valdir também fosse. “Na segunda fizemos um encontro e o Valdir não apareceu. Ele é amigo meu, se quiser disputar, pode disputar. É um ótimo vereador, uma figura importante para o partido”, disse.

E acrescentou. “A convenção é só em julho. Pode dizer a ele que se ele quer disputar contra o Marquinhos Trad no PP, ele pode disputar”, comentou.

Nesta quinta-feira, Valdir Gomes informou que antes de se filiar a outro partido, vai ficar ‘uns dias na pista’. “Mas a conversa com o prefeito Marquinhos Trad está adiantada”, indicando que ele deve mesmo se filiar no PSD. De acordo com rumores, o parlamentar deve anunciar a decisão na terça-feira (10).

Conforme Gomes, este tempo ‘na pista’ deve-se a questão burocrática e trâmite na entrega de desfiliação do PP para se filiar no PSD. O vereador afirmou mais enfaticamente o motivo da troca de legenda. “Eles (PP) podiam me ter como candidato a prefeito no partido, mas não quiseram e por isso vou mudar”.

Após saída de Valdir do PP, Evander diz que decisão sobre candidato acontece em julho
Mais notícias