Após licença de Reinaldo, Murilo volta ao comando da Seinfra

Governador ficou quatro dias afastado, sem revelar o motivo

O governador de , (), nomeou novamente o vice-governador Murilo Zauith () como titular da Seinfra (Secretaria de Estado de Infraestrutura). O decreto foi publicado na edição desta quarta-feira (18) do DOE (Diário Oficial Eletrônico).

Murilo foi exonerado há duas semanas para assumir o governo durante a ausência de Reinaldo. O tucano se licenciou na semana passada, sem revelar o motivo nem mesmo se ficou ou saiu do Estado.

Luís Roberto Martins de Araújo, secretário-adjunto de Infraestrutura, também foi nomeado novamente para dirigir a Agesul (Agência Estadual de Gestão de Empreendimentos). Ele se tornou interino na pasta enquanto Murilo esteve no comando do Executivo estadual.

Afastamento

Murilo assumiu o cargo em 3 de novembro. Nem Reinaldo nem a Subcom (Subsecretaria de Comunicação) detalharam os motivos do afastamento. 

No ofício encaminhado à Alems (Assembleia Legislativa do Estado de ), ele se limitou a informar que poderia se ausentar do Estado e do País.

Durante evento de campanha em Dourados, Murilo disse ao Jornal Midiamax que iria assumir o governo para que o governador trate de “assuntos particulares”.

“O Reinaldo pediu afastamento e eu para assumir o governo, tenho que me desincompatibilizar da Seinfra [Secretaria de Estado de Infraestrutura]. Então eu me desincompatibilizo da Seinfra para assumir o governo no pedido de afastamento dele”. Perguntado sobre o motivo do pedido da licença, Murilo disse que é “para tratar de assuntos particulares dele”, e indagado pelo período que irá ficar afirmou só de 3 a 6 de novembro.

Após licença de Reinaldo, Murilo volta ao comando da Seinfra
Mais notícias