Ironia? Tereza destaca desconhecimento e quer Gisele Bündchen como ‘embaixadora’ da Agricultura

Ministra quer evidenciar preservação ambiental na Agricultura

A ministra da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Tereza Cristina (DEM-MS) quer tornar a modelo internacional Gisele Bündchen ‘embaixadora’ da pasta. Em tom de ironia, a democrata disse, em entrevista à rádio Jovem Pan, que a modelo deveria divulgar a produção brasileira, aliada a preservação ambiental, no exterior.

A ministra criticou a atuação de brasileiros que, como Gisele, contestam a legislação brasileira e a atuação governamental na preservação do meio ambiente, muitas vezes por falta de conhecimento. Tereza classificou como “absurdo” o que “fazem com a imagem do Brasil”, chamando os críticos de “maus brasileiros”.

“Infelizmente são maus brasileiros. Por algum motivo vão lá fora levar uma imagem do Brasil e do setor produtivo que não é verdadeiro”. “Inclusive, desculpe, Gisele Bündchen, você deveria ser nossa embaixadora e dizer que seu país preserva, está na vanguarda do mundo na preservação, e não meter o pau no Brasil sem conhecimento de causa”, declarou.

Logo após a entrevista, Tereza afirmou, em seu Twitter, que deve enviar convite “em breve” à modelo. “Sinalizei que a Gisele Bündchen podia ser embaixadora do Brasil para mostrar que produzimos alimentos para o mundo preservando a natureza. A modelo vai receber, em breve, convite nosso”, diz a postagem.

Ainda durante o primeiro governo Dilma Rouseff (PT), Gisele fez campanha nas redes sociais contra a aprovação do novo código florestal e, recentemente, criticou a aprovação de decreto que extingue a Renca (Reserva Nacional de Cobre) pelo ex-presidente Michel Temer (MDB).