Riedel e Hashioka levam nesta quarta-feira proposta de reajuste à ALMS

Secretários devem apresentar projeto e discutir a proposta durante a sessão

Os secretários estaduais de Governo Eduardo Riedel e de Administração Roberto Hashioka apresentam nesta quarta-feira (22) a proposta de reajuste para o servidores públicos estaduais. O projeto será discutido com os deputados e apresentado em reunião às 11h30.

O governo não adianta, no entanto, se o índice de reajuste será de zero para as categorias, conforme comentado por políticos durante a semana que teriam tido acesso ao levantamento do último quadrimestre realizado pela Sefaz (Secretaria Estadual de Fazenda de MS).

Há, ainda, a possibilidade de reajuste por categorias. Em entrevista ao Jornal Midiamax, o titular da SAD (Secretaria Estadual de Administração) alegou que é preciso corrigir desigualdades nos pagamentos. Atualmente, o Governo do Estado tem salários que vão de R$ 854 a R$ 30 mil.

Porém, grande parte da massa do funcionalismo, afirma Hashioka, está mais próxima dos R$ 4.791,26, que seria a média, de acordo com dados da folha salarial de março deste ano. “Grande parte está concentrado no entorno dessa faixa. O salário de R$ 30 mil são pagos a um número menor de servidores”, garantiu.

 

Mais notícias