Projeto de lei quer implantar creche em período noturno na Capital

Proposição, se aprovada na Câmara Municipal, apenas autoriza o município a implantar medida

Projeto de lei que tramita na Câmara Municipal de Campo Grande prevê a implantação de Ceinfs (Centro de Educação Infantil) com período noturno. Mesmo se for aprovado pelos parlamentares, a proposta apenas autoriza a Prefeitura da Capital a adotar a medida.

A ideia, de autoria do vereador Dr. Cury (SD), é acolher crianças de um a cinco anos, filhos de trabalhadores que tenham atividades no período noturno. A possibilidade, no entanto, não pode substituir o período de escolarização de manhã ou à tarde, a partir dos quatro anos.

De acordo com o projeto, os Ceinfs noturnos serão os mesmos espaços físicos que já existente ou podem ser desenvolvidos em creches e espaços infantis da rede municipal. Apesar de a proposta falar em “Ceinfs”, hoje o nome dos espaços é Emei (Escola Municipal de Educação Infantil).

A proposta foi apresentada no fim de maio e ainda passará pelas comissões antes de ir ao plenário, quando os parlamentares votarão a medida.

*Matéria editada para correção de informação sobre a autoria do projeto. Na verdade, o vereador Dr. Cury propôs a medida e não Dr. Lívio (PSDB), como informado primeiramente.

Mais notícias