Publicidade

Para Azambuja, Reforma da Previdência deve incluir interesses de estados e municípios

Reinaldo Azambuja participou de Fórum Nacional dos Governadores, em Brasília

Com a apresentação da reforma da Previdência Social, nesta quarta-feira (20) em Brasília (DF) o governador do Estado, Reinaldo Azambuja, afirmou durante o Fórum Nacional dos Governadores, que as medidas devem incluir interesses de estados e municípios.

Para Azambuja, é preciso combater o déficit na Previdência para garantir as aposentadorias e pensões futuras. O governador analisa que alguns pontos sofrerão mudanças e a proposta deve ser discutida.

“O importante é que está sendo feito tudo junto, tanto aquilo que interessa aos municípios, estados e União, dentro de uma reforma ampla, e agora sugestões que foram colocadas pelos governadores. Não tenho dúvida de que algumas serão acatadas pela equipe econômica e outras serão emendadas porque a função do legislativo é essa”, afirmou.

Conforme proposta do Governo Federal, é criada a idade mínima de aposentadoria, acabando com a possibilidade, ao final do tempo de transição, de aposentadoria por tempo de contribuição. A idade mínima de aposentadoria para as mulheres é de 62 anos e, para os homens, de 65. A contribuição de beneficiários deverá ser de no mínimo 20 anos.

Mais notícias