Na ALMS, 1ª sessão da CCJR terá mais vetos do governo que novos projetos

Sessão começa às 8h

A primeira reunião da CJR (Comissão de Constituição, Justiça e Redação) da ALMS (Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul) terá mais vetos do governo do Estado que novos projetos a serem analisados, contabilizou o presidente da Comissão, deputado Lídio Lopes (Patriota), nesta terça-feira.

“Os números ainda não estão fechados, mas calculo que sejam cerca de oito projetos novos e 18 vetos do governo que precisamos analisar”, disse.

Os membros, deputados Marçal Filho (PSDB), Barbosinha (DEM), João Henrique (PR) e Gerson Claro (PP) se reúnem às 8h no plenarinho da Casa.

A pauta completa da Comissão ainda não foi divulgada.

Mais notícias