Líder de Trad diz que aposta em gratidão do PSDB ao falar sobre candidatura de Rose

Deputada poderia estar de olho na prefeitura em 2020

O vereador Chiquinho Telles () comentou nesta quinta-feira (7) que espera ‘gratidão do ’ e o apoio do partido na disputa pela reeleição de em 2020, e não concorrência. Segundo aliados, a deputada federal () estaria estudando a possibilidade de se candidatar.

“Quanto mais candidatos, melhor. Nós ganhamos de todos nas outra passada. Acho que o lá tem homens de palavra. Na política ainda acredito que tem gente de palavra. A palavra é que quando você ajuda, como o Marquinhos ajudou o governador Reinaldo Azambuja em Campo Grande, se não fosse a participação efetiva do Marquinhos, juiz Odilon tinha ganho a eleição. Eu acho que gratidão tem que existir na política ainda”, cravou.

O líder do prefeito na Câmara diz não acreditar que os tucanos lancem candidato. “Não acredito que a Rose seja candidata contra o Marquinhos, ou alguém do . Por mais que ela vá para outro partido, existe na testa dela . Acho que o tem que ser grato ao Marquinhos e ao ”, disse.

Isso porque Rose disputa a presidência regional do . Para alguns políticos, pode significar que ela esteja tentando maior prestígio para concorrer em 2020. Haveria, inclusive, a possibilidade da ida da tucana, caso não consiga a liderança do , para outra sigla.

Líder de Trad diz que aposta em gratidão do PSDB ao falar sobre candidatura de Rose
Mais notícias