Deputado quer detector de metais em escolas e Universidades de MS

Projeto foi apresentado após recente caso de massacre em Suzano

A falta de segurança na sociedade brasileira e o recente atentado em Suzano (SP), onde sete pessoas foram assassinadas, reascendeu o debate sobre a importância da instalação de detectores de metais nas escolas e universidades e motivou o deputado estadual Zé Teixeira (DEM) a apresentar projeto prevendo instalação de detectores de metais em escolas e Universidades de Mato Grosso do Sul.

A proposta de Zé Teixeira garante a implantação dos equipamentos nos acessos aos estabelecimentos de ensino fundamental, médio e superior da rede pública de ensino, com mais de 250 alunos ou acadêmicos, por turno, nas cidades com mais de 50 mil habitantes.

Com a aprovação do Projeto de Lei, toda pessoa que entrar em uma escola deverá passar por um “detector de metais e também pela inspeção visual de seus pertences, quando identificada alguma irregularidade”. Segundo Zé Teixeira, a matéria apresentada tem como objetivo prevenir possíveis contratempos e garantir tranquilidade para os estudantes, pais, professores e servidores administrativos das escolas estaduais de MS.

Se aprovada, a Lei entrará em vigor na data de sua publicação, produzindo efeitos a partir próximo ano letivo de 2020.

(Com assessoria)

Mais notícias