Deputado perde CNH ao cair em blitz da Lei Seca em Campo Grande

A esposa do deputado assumiu a direção do veículo

O deputado estadual Pedro Kemp (PT) se recusou a fazer o teste do bafômetro ao cair na blitz da Lei Seca, realizada na madrugada deste domingo (8) e acabou tendo sua CNH apreendida. Ele teria ingerido cerveja em uma festa perto de sua casa e se recusou a fazer o teste. Tanto a abordagem quanto a festa foram próximas a casa do deputado, no Carandá Bosque, em Campo Grande.

Conforme informações obtidas pelo jornal pela assessoria de imprensa do deputado, o mesmo voltava de uma festa de aniversário, quando já perto de sua casa, foi abordado por militares do Batalhão de Trânsito que faziam a Blitz da lei Seca.

Como havia ingerido certa quantidade de álcool, ele se negou a fazer o teste e teve sua CNH (Carteira Nacional de Habilitação), apreendida. Sua mulher estava no carro com ele e assumiu o controle da direção até sua casa.

A reportagem do Jornal Midiamax entrou em contato com o deputado, mas até o momento não obteve retorno. Conforme dados do Batalhão de Trânsito, só na madrugada de domingo foram 12 CNHs apreendidas e a abordagem teria sido a mesma aplicada a outros motoristas que são convidados a fazer o teste do bafômetro.

Mais notícias